Tecnologia líder no mercado de telecomunicações

Conhecendo os Testes de Softwares


lupa

Não se pode garantir que todo software funcione corretamente, sem a presença de bugs, visto que muitos sistemas tem um grande número de estados com atividades e algoritmos complexos.

O teste de software começou a ganhar força na década de 90 quando as empresas amadureceram e começaram a pensar em reduzir custos de suporte e re-trabalho. Surgindo também um novo paradgima, Analistas de Testes querem provar que algo não funciona?

Há uma certa rivalidade entre Desenvolvedores e Testers, embora cada um de nós tenhamos um ponto de vista diferente, é fundamental conhecer a importância dos Testes.

Atualmente os testes de softwares podem ser vistos como uma parcela do processo de qualidade de software. A qualidade da aplicação pode, e normalmente, varia de sistema para sistema.
Os principais atributos de qualidade de softwares são divididos em Funcionalidade, Confiabilidade, Usabilidade, Eficiência, Manutenibilidade e Portabilidade e algumas subcategorias conforme se pode observar na figura abaixo.

ISO-9126-geral

                                                                                              Foto 1.1  – ISO 9126 – geral

Fases do Teste

As fases dos Testes de Softwares são divididas em 4 etapas: Testes Unitários, Testes de Integração, Testes de Sistema e Testes de Aceitação. Abaixo a característica de cada um:

Teste de Unidade

É o estágio mais baixo da escala de testes e são aplicados nos menores componentes de código criados. São aplicados de maneira individual a cada unidade do sistema. Utiliza as técnicas de teste de caixa branca para a sua execução, e normalmente é realizado pelo próprio programador.

Teste de Integração

É o processo de verificar a interação entre os componentes. Para que esta fase seja executada, os módulos já devem ter passado pelos testes unitários. Será dada mais ênfase à interface entre os módulos que estão sendo analisados.

Teste de Sistema

Nesta etapa o software é testado por completo. Os testes que são aplicados são do tipo caixa-preta. Nesta fase se verifica a conformidade com os requisitos, simulando um ambiente de produção real.

Testes de Aceitação

Também chamados de teste Alfa e Beta, são realizados para permitir ao usuário final validar todos os requisitos. Nesta fase o cliente confirma se todas as suas necessidades foram atendidas pelo sistema.

 

Falhas podem ser originadas por diversos motivos, por isto, testar se torna cada dia mais importante e essencial para desenvolver software de alta qualidade e garantir  a tranquilidade das operações.

Nos próximos posts iremos conhecer e caracteristica de cada testes, suas funcionalidade e alguns exemplos impletamentos em Java. Acompanhe!

Gostou desse post? Deixe seu comentário


Categorias: Boas Praticas de Programação