Tecnologia líder no mercado de telecomunicações

Posts para » Softswitch

Chamadas simultâneas versus chamadas por segundo CPS

EficiênciaLimitando chamadas por segundo de forma inteligente

Quando as pessoas perguntam qual é o desempenho do SipPulse, eu normalmente respondo que é acima de 1000 chamadas por segundo.  É claro o pessoal de vendas repassa esta informação aos Call Centers que compram tráfego. Nossa plataforma suporta … No entanto é importante entender que não basta ser capaz de processar centenas de chamadas por segundo, é preciso ter canais disponíveis para completá-las.  Quando uma plataforma VoIP recebe um volume excessivo de chamadas ela passa a retornar um congestionamento  (503 Service Unavailable). Mesmo com o congestionamento a chamada é encaminhada ao gateway e um CDR é gerado para fins de estatística consumindo mais CPU, mais disco, mais tempo de backup, em outras palavras, mais custo, sem completar uma única chamada a mais.  O  indicador ASR (relação entre chamadas atendidas e chamadas enviadas) diminui e a percepção da qualidade da operação cai. Em casos extremos o próprio gateway pode travar com o excesso de cps como já vimos acontecer.

O que você pode fazer?

1. Limitar o número de chamadas que podem ser enviadas a cada gateway. isto pode ser feito associando o atributo “maxcalls” ao gateway.

2. Você pode também, limitar o número máximo de CPS (também chamado de CAPS, Call Attempts per Second) de acordo com a quantidade de canais disponíveis.

Como dimensionar o CPS máximo de um cliente. Por exemplo: uma operação que pode ocupar  120 canais com a seguinte característica de tráfego, ASR de 20% e tempo médio de chamada de 30s.

ChamSim = ASR * ACD * CPS * 0.6

Onde:

ChamSim – Chamadas simultâneas

ASR = Relação atendimento/ocupação (Answer to Seizure Ratio) em %

ACD = Duração média em minutos

CPS = Tentativas de chamada por segundo

Aplicando a fórmula:

120 = 20 * 0,5 * CPS * 0,6

Isolando o CPS

CPS = 120 / (20 * 0,5* 0,6) = 20 cps,

Em outras palavras um cliente que possui este tipo de tráfego pode ser atendido com módicos 20 cps. Você pode limitar a quantidade de CPS na tela de configuração do assinante no campo “cps”.

Acima deste valor você está apenas desperdiçando recursos na sua plataforma e gerando um monte de bilhetes com falha.

Os Call Centers que entenderem esta fórmula podem limitar o fluxo de chamadas evitando de “queimar” o mailing tão rapidamente e também desperdiçar recursos.

Espero ter podido ajudar os nossos clientes nas suas operações com esta simples fórmula.


Session Border Controller da SipPulse agora disponível na ShopVoIP

SBC_Front_landing_page-228x228Os preços do novo SBC da SipPulse estão agora disponiveis no ShopVoip  http://www.shopvoip.com.br/index.php?route=product/category&path=141.  Solicite atendimento especializado  no caso de dúvidas ou customizações. O sistema funciona a partir de 15 sessões até 2000 licenciado por software. Dois modelos principais o SBC-1000 até 300 sessões e o SBC-2000 até 2000 sessões com fonte redundante. Você pode proteger sua plataforma VoIP ou softswitch, balancear carga, normalizar cabeçalhos e números e interconectar com outras operadoras. Consulte-nos para projetos especiais.


O que diferencia uma plataforma VoIP softswitch class 4, 5 e Hosted PBX?

softswitchExiste muita confusão no mercado em relação ao que são as classes de softswitch e seus recursos. Esta nomenclatura vem do tempo dos switches com comutação de circuitos, mas ainda são usadas na era do NGN Next Generation Networks.

O que é um softswitch afinal?

O softswitch é um software que roteia chamadas. Mais recentemente surgiu a expressão VoIP switch que é um software que roteia chamadas VoIP baseado em lógica de programação e acesso a bancos de dados.  Um softswitch pode encaminhar tanto chamadas através de VoIP quando através de troncos E1, SS7 e até mesmo ramais em alguns casos. No Brasil é comum chamar softswitch de Plataforma VoIP.

Quais as diferenças?

É importante entender as diferenças para saber o que esperar de cada uma das classes.

Class 5 Softswitch

Um softswitch de class 5 é usado para atender os assinantes.  Estas plataformas VoIP tem como característica suportar um grande volume de usuários registrados. Além disso vários recursos de assinante como secretaria eletrônica e siga-me são indispensáveis. A central de assinantes do SipPulse é um switch classe 5 que permite a execução de várias áreas locais juntas a até um milhão de usuários registrados sem NAT. A plataforma VoIP faz também a tarifação dos assinantes de forma pré e pós-paga além do controle anti-fraude.

Class 4 Softswitch

Um softswitch classe 4 é usado para rotear chamadas entre operadoras.  Ele normalmente é usado para rotear chamadas entre diferentes áreas e para chamadas internacionais. Hoje com a NGN e uma base de assinantes centralizada, muitas vezes não vale a pena a aquisição de um novo softswitch para uma nova área local. Características comuns de class 4 softswitches são o desempenho e roteamento associado ao BDO (banco de dados operacional) e o cadastro de prefixos.  A Plataforma VoIP softswitch e central de trânsito do SipPulse é um switch de classe 4 que roteia entre áreas locais de forma inteligente e integrada ao BDO.

Hosted PBX ou PABX Virtual

O PABX virtual é uma variação do switch classe 5. Ela adiciona os recursos de transferência, captura de chamadas, conferência e filas de atendimento. A maioria dos Hosted PBX são multi-tenant (permitem várias empresas no mesmo equipamento).  O objetivo é reduzir o custo do cliente com a aquisição e manutenção de centrais telefônicas.  Embora a popularidade nos EUA de operadoras como a RingCentral, e a 8×8 seja inegável. No Brasil esta modalidade ainda está engatinhando devido ao alto custo dos telefones IP importados.  A SipPulse oferece o HostedPBX multi-tenant para operadoras.

Resumo

Escolha a ferramenta certa para o trabalho certo. Classe 5, assinantes, Classe 4 entre áreas e internacional e HostedPBX para PABX virtual. Os recursos são um pouco diferentes entre as classes. Procure uma empresa que pode lhe dar a solução completa para operar como VoIP, operadora STFC ou PABX virtual como a SipPulse. Nossa experiência em dezenas de clientes vai ajudar sua empresa a ter sucesso mais rápido com menos percalços.


WEBINAR SOFTSWITCH SIP Para Operadoras de Telefonia STFC

webinar

Dia 22 de outubro de 2015 as 10:30h será realizado um Webinar gratuito sobre o softswitch SIPPulse para operações de telefonia STFC. Neste evento abordaremos as características de roteamento, confirguração e operação do softswitch PULSE STFC, além de aspectos da flexibilidade de implantação, robustez, capacidade de expansão, segurança e eficiência operacional.

Apresentaremos ainda o uso do sistema em tempo real, simulação de configurações e operação da plataforma, com destaque às funções de Trânsito, módulo complementar e integrado ao softswitch que gerencia a troca de tráfego com outras operadoras, a carga integrada de dados do CADUP e BDO e a geração do DETRAF.

Inscreva-se para o evento acessando: http://bit.ly/1hO1mdM
Leia mais…